Oportunidade de seguro pessoal Aconseg-MG

0
Share

Visão de Mercado da Aconseg

O seguro de vida cresceu 18,5% somente nos primeiros cinco meses de 2021, resultado também impulsionado pela pandemia que deixou clara a noção de risco e a necessidade de cobertura de seguro.

Mas o que falta aos corretores apoiados pela assessoria para aproveitar esse ambiente favorável para expandir o seguro de pessoas, um dos segmentos que mais crescem no mercado, para melhorar sua produção e seus resultados financeiros?

Essa foi uma das provocações do seminário online da Associação dos Agentes, Assessores e Assessores de Seguros do Estado de Minas Gerais (Aconseg-MG) e do Clube de Seguros de Minas Gerais (CSP-MG.). ), na manhã de 19 de outubro.

O presidente da Aconseg-MG, Robson Augusto Carneiro, acredita que falta proatividade ao agente em oferecer o produto ao cliente e promover o processo de venda cruzada em seu portfólio. Por que o corretor não oferece seguro de vida ao cliente no momento da renovação do seguro automóvel? Sabemos que é uma venda consultiva diferenciada que exige um conhecimento mais aprofundado dos hábitos e necessidades do consumidor. Mas os assessores estão prontos para fornecer qualquer suporte operacional, treinamento e assistência ao corretor que deseja entrar em campo.

O que diz a diretoria

João Paulo Moreira de Mello, presidente da CSP-MG, destaca que não só entram em jogo os seguros de vida, mas também a saúde, a odontologia e a previdência social. É necessário que o corretor assessor atue na sensibilização e aculturação dos clientes, de forma a demonstrar a importância da proteção pessoal e financeira. Apesar da considerável participação na produção do canal de assessoria nas seguradoras de outros setores, percebemos que a participação do seguro de pessoas ainda é baixa. Temos um mar de oportunidades a explorar, frisou.

Foram convidadas seguradoras que atuam com assessoria no país. Executivos da Bradesco Seguros, Sompo Seguros, HDI Seguros, Porto Seguro, Seguros Sura, Tokio Marine Seguradora e Zurich estiveram à disposição de consultores e corretores para apoiá-los em produtos, tecnologia, plataformas digitais, treinamentos e processos de gestão. As empresas também estão interessadas em aumentar a presença do seguro pessoal em seus negócios.

Eles valorizam o papel do conselho como um importante parceiro de negócios para as seguradoras. Eles enfatizaram, por unanimidade, que não há diferença de remuneração e tratamento entre os corretores que prestam serviços de assessoria e os que são atendidos diretamente por filiais ou sucursais de seguradoras.

Após as explicações, representantes dos organizadores do evento, assessores da Aconseg-MG e seguradoras responderam a perguntas do público por meio de chat. Mais de 130 pessoas compareceram ao show. O evento foi organizado pelo consultor e professor Maurício Tadeu Barros Morais.

Nesta ocasião os dirigentes dos serviços de consultoria da Aconseg-MG Jader Abreu (Asseg), Hélio Loreno (Clássico), Carlos Eduardo Brum (FF Seguros), José Ivan (Gold) e Robson Carneiro (Asteseg) fez suas declarações e enfatizou o trabalho de apoiar o corretor no desenvolvimento de sua carteira de seguros pessoais. Agradeceram também a parceria das seguradoras e convidaram outros assessores governamentais a ingressar na empresa.

O encontro reuniu autoridades do mercado como o Presidente do SindSeg MG / GO / MT / DF, Marco Antônio Neves; os presidentes do Sincor-MG, Maria Filomena Magalhães Branquinho e do Clubcor-MG, Maria do Carmo Ferreira Ribeiro Costa, e a coordenadora regional da Escola de Economia e Seguros (ENS), Nívea Barros. O presidente da Aconseg-SP, Hélio Opirari, também participou do seminário.

Aviso Importante: o Site IDASRJ não retém nem uma informação pessoal ou dados financeiros de seus doadores, portanto fique tranquilo para realizar sua doação de forma segura
CNPJ: 0.465.055/0001-91